21 de mar de 2011

Meu eu sem mim

O espelho insiste em refletir uma personagem na qual nao me sinto
Os sentimentos que me refiro quando crio o contexto das palavras não pertecem a mim
A quem, nao sei

Talvez seja uma de minhas multiplas personalidades
O por que as deixo fluir não condiz a mim saber
Simplesmente elas originam uma ideia que consiste no meu ser, no meu intimo
Confesso que nem eu as reconheço
Esse poder nostalgico consome minha alma
Uma delas,
das dimensoes varias existentes em cada fragmento que inspira meu eu

Continuo a expor o que sinto sem sentir
A vida corre, e eu corro com ela
Mesmo, as vezes,
sem saber pra qual direção caminharei
Dessa confirmação, creio nao precisar

A crença que tenho na divindade do ser é maior!

Poesia


Enquanto não superamos
a ânsia do amor sem limites,
não podemos crescer
emocionalmente

Enquanto não atravessarmos
a dor de nossa própria solidão,
continuaremos
a nos buscar em outras metades.
Para viver a dois, antes, é
necessário ser um.

Fernando Pessoa

Sentir Viver!


Assim como a luz iminente de um céu azul brilhante
A vontade divina surge dos raios solares que invadem as copas das árvores
Transborda energia dos riachos que com suas gotas transparentes formam as curvas imaginarias de um arco iris mais colorido que já avistei
De fato, a energia que consiste a floresta é tão harmoniosa que transparece no ar
Sua eminencia celestial já diz o quão poderosa és
O que me intriga em pensar nessa surreal sensação me leva a crer como divinos somos
Nós, seres humanos feitos dessa mãe natural
Concluo que a felicidade plena acontece quando em sintonia com o sentido verdadeira da criação
Quando nos sentimos parte de um todo que cristaliza o consciente ao equilíbrio e sabedoria
Logo, desenvolvemos amor suficiente para compreensão em sentir tal paz de espírito e sim, esta somente é reconhecida quando a alma esta livre dos padrões gerais de costumes e leve
Leve, podendo apreciar a liberdade cósmica energética que somos capazes de absorver para chegarmos ao estado de contemplação da beleza que a natureza se transforma
Isso é o sentir viver!